APP Cemig Atende

Baixe na App Store

Baixe na Play Store

Clique aqui Clique aqui

Recursos hídricos

Entenda como a Cemig utiliza os recursos hídricos nas usinas, as quais utilizam somente a água como matéria-prima

Você sabia que, no Brasil está concentrada uma das maiores reservas de água doce do mundo? As águas superficiais geradas em nosso território representam cerca de 50% do total dos recursos da América do Sul e 11% dos recursos mundiais.

Aqui na Cemig, fazemos uso de recursos hídricos para a geração de energia elétrica por meio de nossas usinas hidrelétricas, cuja matéria prima é 100% água. Essa água utilizada para geração de energia não é consumida: ela passa pelas turbinas e retorna imediatamente para o rio, seguindo seu caminho natural.

Os reservatórios construídos para acumular água para geração de energia elétrica, auxiliam na regularização da disponibilidade hídrica da bacia hidrográfica. Eles proporcionam vazões maiores durante os períodos de seca ou de crise hídrica e minimizam enchentes durante o período chuvoso.

A previsão meteorológica e o monitoramento constante da chuva e do nível de água nos reservatórios e nos rios são fundamentais para a gestão do volume de armazenamento dos aproveitamentos hidrelétricos. Para nos auxiliar, possuímos uma rede ampla de estações automáticas de medição, que envia dados em tempo real para que o planejamento de operação das comportas e da geração de energia seja otimizado.

Além das vantagens da regularização, a água armazenada no reservatório pode também ser utilizada para outras finalidades como:

  • Abastecimento humano e industrial;
  • Irrigação;
  • Navegação;
  • Pesca e Aquicultura( criação de peixes em tanques-rede);
  • Turismo e lazer, proporcionando benefícios para a bacia hidrográfica.

Para promover o aproveitamento sustentável da água, nossa equipe técnica busca, constantemente, o aprimoramento constante por meio de especializações, mestrados e doutorados, treinamentos, participações em seminários nacionais e internacionais e em projetos de Pesquisa e Desenvolvimento – P&D junto à ANEEL.

Título Objetivo Principal Instituições Envolvidas Coordenador Período
P&D 599 Processos Ecológicos: Desenvolvimento de Novas Ecotecnologias de Diagnóstico e Processos Ambientais (PROECOS) Avaliar processos ecológicos para desenvolver novas ecotecnologias de avaliação de qualidade ambiental com base no conhecimento de processos ecossistêmicos chave ligados a integridade funcional de bacias hidrográficas de reservatórios hidrelétricos, subsidiando e capacitando gestores ambientais na tomada de decisões adequadas e sustentáveis. UFMG Marcos Callisto 2018-2022
P&D 604 Controle do Mexilhão Dourado: Bioengenharia e novos materiais para aplicações em ecossistemas e usinas hidrelétricas - Fase 2 Desenvolver metodologias de apoio a políticas mitigadoras no combate ao mexilhão-dourado e espécies invasoras de usinas hidrelétricas, combinando os produtos e ações de Tecnologia Social e Internet já desenvolvidas pelo grupo de pesquisa CBEIH (Centro de Bioengenharia de Espécies invasoras). UFOP Paulo Santos Assis 2018-2022
P&D 607 Monitoramento Inteligente da qualidade da água em reservatórios hidrelétricos através do desenvolvimento de um algoritmo fotogramétrico Desenvolver um algoritmo para a análise e o monitoramento remoto da qualidade da água de reservatórios de usinas hidrelétricas e de captação de água. Nesse sentido, o algoritmo permite aumentar a disponibilidade e a precisão dos dados obtidos com o monitoramento ambiental da qualidade da água e do entorno de reservatórios através do processamento de imagens de alta resolução, obtidas por Veículos Aéreos Não Tripulados (VANTs) em combinação com imagens de satélite e dados tradicionalmente obtidos em campo. UFMG, Instituto Teia Camila Costa de Amorim Amaral 2019-2023
P&D 610 Integridade Ecológica de Lagoas Marginais para Conservação da Biodiversidade do Rio São Francisco Avaliar a integridade ecológica de lagoas marginais do alto e médio São Francisco, em Minas Gerais, em articulação à gestão operacional do reservatório da UHE Três Marias, além da integração com as comunidades locais, com vistas à conservação da biodiversidade do rio São Francisco. SENAI, PUC-Minas, AXXIOM, Detalhes, UFMG Mariana d’Avila Fonseca Paiva de Paula Freitas, Sylvia Therese Meyer Ribeiro, Paulo Vagner dos Santos 2018-2022
P&D 633 Detecção e avaliação de herbicidas no controle de macrófitas e seus efeitos sobre o meio aquático